A torcedora gremista Patrícia Moreira, flagrada por câmeras de televisão xingando o goleiro Aranha na semana passada, durante a partida entre Grêmio e Santos em Porto Alegre , veio a público nesta sexta-feira para negar que tenha cometido ato racista, ao chamar o jogador santista de “macaco”. Ela também pediu desculpas. “Eu peço perdão de coração, eu não sou raci...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários