Cheia de expectativas por causa da inclusão inédita do surfe no programa dos Jogos Olímpicos, a temporada 2021 do Mundial não começou da maneira planejada. A Covid-19 se mostrou um adversário ainda mais poderoso do que havia se imaginado, e apareceram outros obstáculos, como os tubarões que resolveram competir pelo espaço no Havaí. Com muitas dificuldades, a WSL ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários