A prefeitura de São Paulo e os organizadores do GP do Brasil garantiram nesta quinta-feira (7) que continuam otimistas com as negociações para renovar o contrato com o comando da Fórmula 1 e manter a realização da prova no Autódromo de Interlagos. Um dos trunfos para prolongar o acordo para além do prazo atual, que se encerra em 2020, é a concessão do circuito. A meta é...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários