O soprar do apito do árbitro cearense Léo Simão Holanda ao fim da partida entre Aparecidense e Ponte Preta, na noite da última terça-feira (12), no Estádio Anníbal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia, parece não ter colocado um ponto final de verdade no jogo. É que a equipe campineira, derrotada por 1 a 0 e eliminada ainda na 1ª fase da Copa do Brasil 2019 pelos g...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários