Nesta quinta-feira, 1º de abril, o Levante Feminista Contra o Feminicídio no Tocantins alegou preocupação pela forma que o Araguacema anunciou, na madrugada de quarta-feira, 31, a contração do goleiro Bruno Fernandes, condenado pelo assassinato da ex-modelo Eliza Samúdio. “O que move este manifesto é o compromisso político pela vida das mulheres. Causa-nos indign...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários