O calor palmense e o tempo seco com ventos fortes, característicos do mês de junho na capital, levou a organização do Campeonato Brasileiro de Ciclismo de Estrada disputado em Palmas a partir da quinta-feira, 23, a antecipar as largadas das provas de resistência da categoria Elite (feminina e masculina) em 1 hora, em relação ao que estava previsto no regulamento técnico. A disputa feminina será no sábado, 25, para uma disputa em 113 km de distância e a masculina no domingo, 26, para 186 km. As categorias com as provas mais longas e a previsão é terminar tarde. 

A mudança foi confirmada durante o congresso técnico realizada na noite de quarta-feira, 22, no hotel oficial do evento, segundo divulgou a Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) na abertura oficial, com a organização e comissários da prova para todas as equipes, atletas e convidados.

“Devido ao calor com a antecipação não termina muito tarde. É para o bem estar dos atletas”, completa o presidente da Federação Tocantinense de Ciclismo (FTC), Diogo Freitas.

Previsão é de sol e calor na abertura

A previsão do tempo para a capital nesta quinta-feira é de uma temperatura máxima de 34° com ventos a 13km/h por volta das 8 horas, e de 24 km/h próximo ao meio-dia, segundo o Climatempo.  A umidade relativa do ar é de 51% às 8h e de 31% ao meio-dia. A largada da prova de contrarrelógio das principais categorias, como sub-23 e elite, feminina e masculina, está marcada para as 11 horas.

No sábado, a temperatura mínima é de 22% às 6 e 34º ao meio-dia. No domingo, no horário da disputa da elite, a temperatura previsa é de 33% e umidade de 46% com ventos entre 16 km/h e 18km/h.