Em um novo capitulo de uma novela jurídica pouco comum no mundo do futebol, o centroavante Paolo Guerrero, recém-contratado pelo Internacional, está novamente proibido de atuar. Ontem, a Justiça suíça derrubou um efeito suspensivo que o tribunal federal do país europeu havia concedido à sua pena original e que acabou permitindo a participação do peruano na Copa do Mund...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários