Esporte

Em casa, Atlético dá vexame e vê Canarinho voar à 2ª fase

O Ypiranga enfrentará, na fase seguinte, o classificado de Aparecidense e Sport – o time goiano venceu por 2 a 0 o jogo da ida

Benedito Braga
Com o resultado de 2 a 0, o Atlético se despede precocemente da Copa do Brasil

Certamente, o Atlético fez, na noite desta quinta-feira, a pior partida desta temporada. A derrota para o Ypiranga, de Erechim (RS), no Estádio Serra Dourada, por 2 a 0, já é um indicativo da noite dos horrores do time rubro-negro, que precisava só do empate, por 0 a 0 ou 1 a 1, para se classificar à fase seguinte. Por isso, deixou o campo vaiado pela pequena torcida atleticana.

Assim, o Ypiranga, que é conhecido como Canarinho e é uma das forças do interior gaúcho, se aproveitou dos inúmeros erros defensivos e ofensivos do Dragão e venceu por 2 a 0 – dois gols do atacante João Paulo, que voltará para o Sul consagrado depois de garantir a classificação da equipe gaúcha. O Ypiranga enfrentará, na fase seguinte, o classificado de Aparecidense e Sport – o time goiano venceu por 2 a 0 o jogo da ida.

O Atlético teve algumas chances de gol no primeiro tempo. Na melhor delas, Pedro Bambu acertou a trave, livre, após rebote do goleiro Carlão. O atacante Alison também teve outra oportunidade, mas cabeceou para fora, no primeiro tempo.

O pior estava por vir no segundo tempo. Logo aos 2 minutos, o Ypiranga recebeu presente do zagueiro Marllon, que colocou a mão na bola infantilmente. Pênalti. João Paulo cobrou e fez 1 a 0. O Canarinho cantou e, no contra-ataque, bicava o Dragão. Até que, aos 34 minutos, João Paulo aparou cruzamento rasteiro e classificou o Canarinho. Poderia ter sido mais se não fosse o goleiro Márcio, que evitou mais gol.   

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ