A torcedora gremista Patrícia Moreira, flagrada chamando o goleiro Aranha de macaco durante um jogo no dia 28 de agosto, teve parte da sua residência incendiada ontem. A casa, localizada no bairro Passo das Pedras, na zona norte de Porto Alegre, está desocupada desde o episódio, ocorrido durante partida entre Grêmio e Santos, válida pelas oitavas de final da Copa do Bras...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários