Apontado como dono da empresa Plant Reflorestamento Ltda, André Luiz de Castro Abreu, irmão da senadora Kátia Abreu (MDB-TO) e ex- servidor do Ministério Público do Trabalho (MPT) foi condenado a pagar uma indenização de R$ 500 mil por danos morais coletivos por exploração de trabalho análogo à escravidão. A informação foi dada pelo site Jota Info, especialista em cobertura do Judiciário, e confirmada pelo JTo, que teve acesso à decisão. ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários