O endividamento das famílias brasileiras voltou a crescer e alcançou o maior nível em 3 anos. Em maio, a taxa de endividamento em relação à renda acumulada em 12 meses subiu para 44,04%. É o maior nível desde abril de 2016, quando marcava 44,2%. As informações foram publicadas nesta 2ª feira (5), em reportagem do jornal Valor Econômico, com base e...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários