O decreto que está sendo elaborado pela equipe do presidente Jair Bolsonaro para regulamentar o lobby no Brasil será enxuto, com foco em critérios de transparência e menos rigoroso que as normas atualmente em discussão no Congresso. Entre as medidas avaliadas até o momento, estão a definição de critérios objetivos para o agendamento de audiências e a criação de uma c...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários