Após uma manhã marcada por instabilidade, o dólar perdeu força ao longo da tarde desta sexta-feira e se firmou em território negativo, na casa de R$ 4,15, em meio a ajustes técnicos típicos de fim de mês. No exterior, o dia foi de fortalecimento da moeda americana em relação à maioria das divisas emergentes e de países exportadores de commodities, na esteira da aversão a...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários