A Apple disse nesta sexta-feira, 2, que vai suspender o seu programa que permitia que funcionários da empresa tivessem acesso aos áudios de usuários da assistente digital Siri. A medida é uma resposta à reportagem do jornal The Guardian, publicada na semana passada, que revelou a prática da Apple – terceirizados da companhia tiveram acesso inclusive a informações como h...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários