Estado

Reeducandos farão o Enem para Pessoas Privadas em dezembro

No Tocantins, um total de 349 presos distribuídos entre 28 das 41 unidades prisionais ativas no Tocantins

Nara Moura/Seciju/Divulgação

Reeducandos realizarão o Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL 2016) nos próximos dias 6 e 7 de dezembro. Um total de 349 presos distribuídos entre 28 das 41 unidades prisionais ativas no Tocantins. Segundo a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), hoje a atual população carcerária é de 3.303 pessoas privadas de liberdade, o percentual de inscrições de presos é de 10%.

Ainda de acordo com a pasta, a população de encarcerados é formada por: 8% são analfabetos; 44% tem Ensino Fundamental incompleto; 20% de Ensino Fundamental completo; 17 % Ensino Médio incompleto; e 11% Ensino Médio completo. “Com base nessa matemática, com 349 pessoas que irão realizar o exame, conseguimos êxito de um pouco mais de 21%, sendo, assim, uma proporção razoável que a cada ano podemos melhorar, lembrando que, já é um número em destaque referente aos anos anteriores”, avalia Valcelir Borges, diretor de Políticas e Projetos de Educação para o Sistema Prisional da Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju).

Após a adesão, coordenada pela Diretoria de Políticas e Projetos de Educação para o Sistema Prisional da Seciju, foram selecionados responsáveis pedagógicos em cada unidade para inscreverem os presos e monitorarem a aplicação das provas. Um dos critérios para inscrição do candidato é que se tenha o Ensino Fundamental completo, podendo estar ou não cursando o Ensino Médio e também possua o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF).

Unidades que aderiam:

Cadeia Pública de Cristalândia; Cadeia Pública de Araguaçu; Cadeia Pública de Arapoema; Cadeia Pública de Arraias; Cadeia Pública de Augustinópolis; Cadeia Pública de Babaçulândia; Cadeia Pública de Bernardo Sayão; Cadeia Pública de Colinas; Cadeia Pública de Dianópolis; Cadeia Pública de Figueirópolis; Cadeia Pública de Guaraí; Cadeia Pública de Lagoa da Confusão; Cadeia Pública de Lageado; Cadeia Pública de Miracema; Cadeia Pública de Peixe;  Cadeia Pública de Pium; Cadeia Pública de Tocantinópolis; Cadeia Pública de Wanderlândia; Cadeia Pública de Xambioá; Cadeia Pública de Palmeirópolis; Cadeia Pública de Pedro Afonso; Casa de Prisão Provisória de Araguaína; Casa de Prisão Provisória de Palmas;  Casa de Prisão Provisória de Paraíso; Casa de Prisão Provisória de Porto Nacional; Centro de Reeducação Social Luz do Amanhã (Cariri do Tocantins); Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota (Araguaína); Unidade Prisional Feminina de Palmas (URSA); Unidade Prisional Feminina de Palmas (UPF). 

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ