Estado

Governo não tem prazo para nomear

A Secretaria de Cidadania e Justiça (Seciju) informou que ainda não tem conhecimento de nenhuma ação do Ministério Público Estadual (MPE) solicitando o fim da prestação de serviços da Umanizzare.

Já no que diz respeito ao concurso para provimento de vagas e formação do quadro próprio de servidores efetivos do Sistema Socioeducativo e Penitenciário da Seciju, a pasta informou que tem cumprido com a determinação judicial e tem dado prosseguimento à segunda etapa do concurso que está em andamento. Destaca-se que o concurso ainda não foi finalizado, portanto não há aprovados com direito a investidura em cargo público, e que a posse ocorrerá apenas após a divulgação do resultado final e homologação, porém a Seciju não deu prazos.

A Umanizzare informou que não tem conhecimento do inquérito e não se manifestou sobre as alegações do MPE.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ