Esporte

Após recorde em Wimbledon, Federer sobe para TOP3 do ranking

Tenista suíço conquistou oitavo título de torneio neste domingo

Após conquistar seu oitavo título no tradicional torneio de Wimbledon, sagrando-se o maior campeão masculino da história, o tenista suíço Roger Federer subiu para a terceira colocação no ranking da ATP.

À frente dele, apenas Andy Murray e Rafael Nadal. Neste domingo (16), a lenda derrotou o croata Marin Cilic por 3 sets a 0 (6/3, 6/1 e 6/4) e quebrou o recorde que pertencia ao norte-americano Pete Sampras.

Além disso, esse foi seu 19 título de Grand Slams (os quatro torneios mais importantes do circuito) e ele ainda conquistou Wimbledon neste ano sem perder um set sequer.

Aos 35 anos, no entanto, Federer afirma que não pensa em se aposentar.

"Nunca há uma garantia quando você tem 35 anos, mas meu objetivo, certamente, é estar aqui e defender meu título em Wimbledon", disse aos jornalistas após a conquista.

Nos últimos anos, o suíço vem sofrendo com lesões - este ano chegou a ficar seis meses parado -, mas isso não tem afetado seu desempenho, acumulando dois títulos só nesta temporada.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ